terça-feira, 5 de outubro de 2010

Post sem noção...

Carta de um Louco para um Doido

Era meia-noite: o sol brilhava entre as trevas de um dia claro e bonito. Um homem, vestido sem roupa, com as mão nos bolsos, estava sentado de pé numa pedra de pau à beira mar de um rio seco. Ele dizia: "Eu prefiro morrer do que deixar de viver!"
Naquele momento, um surdo estava ouvindo um mudo falar que viu um aleijado correr atrás de um carro parado.
Bem longe daqui perto, um senhor moreno careca penteava seus lindos cabelos loiros.
À noite, durante o dia, senti uma apetitosa falta de comer em pratos sem alimentos.
Vi peixes treinando natação num lago seco e outros suicidando-se para viver.
Ao acordar dormindo, sonhei que estava dormindo; quando acordei, percebi que eu estava dormindo.
Enquanto isso, um cego disse que via passarinhos pastando e vacas pulando de galho em galho à procura de seus ninhos.
Vi, então, um sujeito comendo o guardanapo e limpando a boca com o bife.
Assim, comecei a declamar uma poesia, calando-me dizendo:"Mais vale um morto vivo do que um vivo morto".
Quando acordei com o despertador na cama, levantei-me deitado do relógio e me preparei para mais um dia de descanso com muito trabalho.

Não precisa me dizer que isso é idiota. EU SEI!!!!
Mas será que você não leu o título do post???
Recebi isso por e-mail e resolvi colocar aqui...
Falta do que postar é foda...



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails

Amigos

Ocorreu um erro neste gadget
 

Por que Parar?. Copyright 2009 All Rights Reserved StudioPress by "Giovanni Machain" Qualquer semelhança com a realidade é mera coincidência -- LOGIN