quinta-feira, 16 de julho de 2009

Pura Verdade


Estudo da Unicamp sobre a qualidade da água para consumo e de rios da região metropolitana de Campinas (95 km de SP), onde vivem cerca de 2,5 milhões de pessoas, revela a presença de hormônios sexuais e de compostos derivados de produtos farmacêuticos e industriais.

Na água potável, foram identificadas desde progesterona (hormônio sexual feminino) até cafeína, bem como colesterol e os hormônios estradiol e etinilestradiol, além de compostos usados em remédios e na indústria.


Agora entendi do porque nosso amigo Darkman, e assim...tão aberto as pessoas, não e culpa dele


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails

Amigos

Ocorreu um erro neste gadget
 

Por que Parar?. Copyright 2009 All Rights Reserved StudioPress by "Giovanni Machain" Qualquer semelhança com a realidade é mera coincidência -- LOGIN